preloader

Guia de Boas Práticas

Ao ingressar no Grupo, é importante observar algumas práticas de conduta, das quais destacamos:

1. A Agenda do GIDJ/SP é restrita ao Grupo. Não é permitida a divulgação desta sob quaisquer circunstâncias.

2. Ao solicitar ajuda aos colegas do GIDJ/SP é importante ser claro e objetivo. Sugerimos destacar o assunto a ser “pesquisado” ou nome do livro/autor que necessita.

3. Caso tenha retorno positivo em uma solicitação, é importante avisar aos demais membros, para evitar que outros colegas despendam tempo para atender algo que já foi resolvido. Não esqueça de agradecer aos que, de alguma forma, colaboraram ou pelo menos tentaram lhe ajudar.

4. Identifique-se. Assine todas as mensagens enviadas ao GIDJ/SP. Essa prática é muito importante para lhe conhecermos melhor e responder mais prontamente a sua solicitação (ex. nome/cargo/telefone/e-mail etc.).

5. Não é objeto dos membros do GIDJ/SP suprir necessidades de materiais essenciais ou considerados ferramenta de trabalho, portanto, deve-se ter em mente que o Grupo deve ser acionado somente quando todas as outras possibilidades de busca estiverem esgotadas. Estimule o seu escritório ou empresa a adquirir assinaturas, coleções básicas e acervo que sejam de consulta usual. Isto valorizará seu setor, sua atuação profissional e a profissão do bibliotecário.

6. Seja colaborativo. Se tiver condições de auxiliar um colega, ajude-o.

7. Ao expressar a sua opinião, evite comentários pessoais ou críticas destrutivas. Temos objetivos comuns, mas respeitamos as diferenças. O GIDJ/SP adota como diretriz o Código de Ética dos Bibliotecários (vide Resolução Nº 42 de 11.01.2002, publicada pelo Conselho Federal de Biblioteconomia).

8. Caso necessite de afastamento temporário por razões particulares, é necessário formalizar solicitação ao Coordenador do Grupo, para que este possa providenciar a alteração na agenda.

9. A sua participação nas reuniões é muito importante, mas caso tenha alguma eventualidade ou impeditivo, informe somente a Coordenação.

10. Seja participativo e atuante. Se não puder estar presente na maioria das reuniões encontre outras formas de contribuir, seja formando grupo de estudos ou marcando presença de outra forma.

11. Atente para os assuntos abordados nas mensagens transmitidas. Avalie se são inerentes ao objeto do GIDJ/SP e se vão, realmente, agregar algum valor para quem estiver recebendo.

12. Se estiver insatisfeito com alguma situação ou ocorrência não deixe de levar ao conhecimento do Coordenador e dos Conselheiros. A comunicação é sempre o melhor caminho e buscaremos uma solução satisfatória conjuntamente.

13. Opine. Não deixe de expressar sua opinião ou dar sua contribuição com sugestões de assuntos que podem agregar valor em nossa troca de informações.

14. Indique novos membros. Queremos fortalecer a categoria e, se conhecer algum interessado (que atue em biblioteca ou arquivo da área jurídica) em participar do GIDJ/SP, envie uma mensagem à Coordenação expressando o interesse.